Sexta-feira, Junho 5, 2020
Inicio Espectáculos & Exposições Cartaz :: Outubro a Dezembro de 2015

Cartaz :: Outubro a Dezembro de 2015

ESPECTÁCULOS

AGENDA

AniMacau: desenhos animados voltam ao ecrã

 

O festival anual de animação AniMacau volta aos ecrãs do Centro Cultural entre 16 e 25 de Outubro, com dez produções internacionais escolhidas entre as melhores da Europa e da Ásia.

Johan, um coelhinho, decide fazer a maior aventura da sua vida ao procurar a sua mãe. A principal pista da progenitora leva Johan a um reino que está prestes a afundar no oceano e que ele pode salvar, caso ajude o Rei de Penas. Da autoria de Esben Toft Jacobsen, Para Além do Além é a primeira animação em 3D estereoscópica produzida na Suécia e é um dos destaques do cartaz do AniMacau 2015. O filme foi nomeado para um Urso de Cristal no Festival Internacional de Cinema de Berlim no ano passado e é um das dez obras europeias e asiáticas selecionadas para o grande ecrã do Centro Cultural de Macau.

Entre 16 e 25 de Outubro, estarão em exibição desenhos animados para todos os gostos e idades. Por exemplo, O 7.º Anão leva os espectadores a viajarem pelo mundo das personagens dos contos de fada, da Cinderela e do Capuchinho Vermelho, à Branca de Neve, todos juntos, num só filme.

Os Moomins na Riviera proporciona um reencontro com as personagens clássicas de BD criadas pelos finlandeses Tove e Lars Jansson. Da Argentina, o realizador do filme O Segredo nos Seus Olhos, galardoado com um Óscar, realizou Matrecos, uma comédia que nos revela o momento em que os jogadores de uma mesa de matraquilhos ganham vida, transformando-se em heróis para salvar uma cidade. O Menino e o Mundo, vencedor do Festival Internacional de Cinema Animado de Annecy, utiliza desenhos que parecem pintados a lápis de cor e transportam o público para um mundo mágico. Da Coreia, chega a emoção de Mais Claro do que Parece, uma produção que junta quatro pequenas histórias descontraídas.

Para um público mais maduro, Ari Folman, realizador de Valsa com Bashir, apresenta O Congresso, um filme híbrido de animação e imagem real produzido em França e interpretado por Robin Wright, Harvey Keitel e Danny Huston. Do Japão chega Patema Invertida, uma aventura de ficção científica que utiliza um conceito semelhante a Upside Down (um sucesso de bilheteira de Hollywood) que conta a história de duas pessoas atraídas por forças gravitacionais opostas. Já Pos Eso traz uma comédia de terror filmada em stop-motion em Espanha, enquanto da Letónia chega Pedras nos Bolsos, um conto poético e humorístico que retrata mentes muito peculiares.

Os bilhetes já se encontram à venda por 60 patacas (sujeitos a diversos descontos) e estão disponíveis nas bilheteiras do CCM e aos balcões da Rede Bilheteira de Macau.

 

AniMacau, Festival de Animações de Macau

De 16 a 25 de Outubro

Centro Cultural de Macau

 

 

 

OUTROS ESPECTÁCULOS

 

Festival Internacional de Música de Macau

A 29.ª edição do Festival Internacional de Música de Macau desenrola-se entre 4 de Outubro e 1 de Novembro com 23 actuações de músicos e grupos oriundos de Macau, Hong Kong, Taiwan, Portugal, China, Reino Unido, Estados Unidos, Rússia, Israel, Itália, Suíça, Suécia e Islândia. Destaque para o quarteto Danças Ocultas que se alia ao fadista Pedro Moutinho para um espetáculo no dia 16 de outubro, e para a Orquestra Filarmónica da BBC, do Reino Unido, com dois concertos: Sinfonia n.º 9 “A Grande” de Schubert e Variações Enigma de Edward Elgar.

 

De 4 de Outubro a 1 de Novembro

Vários horários e locais

Programação completa em http://www.icm.gov.mo/fimm/29/pt/

 

***

 

Amor Electro

A Fundação Oriente alia-se à Casa de Portugal para trazer a Macau, pela primeira vez, a banda portuguesa Amor Electro, num concerto marcado para 27 de Outubro, no Pequeno Auditório do Centro Cultural de Macau. O grupo estreou-se em 2011 com o álbum Cai o Carmo e a Trindade, tendo recebido o Disco de Platina. Em 2013, lançaram o seu último trabalho, intitulado (R)Evolução.

 

27 de Outubro

Centro Cultural de Macau

Entrada a anunciar

 

***

 

Ballet Anna Karenina

Numa produção do coreógrafo russo Boris Eifman, Anna Karenina é encenado ao som de uma mescla de trabalhos de Tchaikovsky para contar a história centrada num triângulo amoroso. A coreografia contemporânea retrata Anna Karenina como alguém que não tem medo de amar e se mantém fiel aos seus sentimentos.

 

28 e 29 de Novembro

20h00

Centro Cultural de Macau

Bilhetes a partir de MOP 150

 

 

*****

 

 

EXPOSIÇÕES

AGENDA

Tesouros da Dinastia Qing

São 220 peças de caligrafia, pintura e sinetes da Dinastia Qing (1644-1912), da autoria de Wu Rangzhi e Zhao Zhiqian, que, em parceria com o entidades do Interior da China, chegam ao Museu de Arte de Macau sob o tema “A Tensão do Talento”.

“A Tensão do Talento” é uma exposição especial que apresenta um conjunto de 220 peças de caligrafia, pintura e sinetes de Wu Rangzhi e Zhao Zhiqian, de diferentes períodos criativos, das colecções do Museu Provincial de Zhejiang, Associação de Sinetes Xiling e Academia de Artes Juntao, apresentando os estilos artísticos e realizações destes dois virtuosos de finais da era Qing (1644-1912).

Wu Rangzhi foi calígrafo e pintor, tendo sobretudo demonstrado o seu talento na gravação de sinetes. A sua caligrafia de sinete é considerada a mais prestigiada da China, já que é expressa com traços firmes e suaves, uma escrita vívida e elegante e, ao mesmo tempo, uma estrutura esbelta e descontraída.

Já Zhao Zhiqian foi um mestre considerado brilhante e muito versátil na poesia, mas especializado na caligrafia, pintura e gravação de sinetes. Numa fase inicial, o seu estilo seguia a herança da Escola Zhe, mas depois virou-se para a Escola Wan, embora mantendo sempre um estilo distinto. Zhao defendia o estudo das escritas tradicionalmente utilizadas para a gravação de sinetes, tendo também explorado outros tipos de escrita com potencial para serem utilizadas nesta arte, numa abordagem que ficou conhecida por Nova Caligrafia de Sinete.

O legado destes dois mestres teve uma profunda influência nestas artes, conferindo um novo ímpeto ao grande desenvolvimento da caligrafia, pintura e gravação de sinetes em finais da dinastia Qing e período da República da China.

 

 

A Tensão do Talento

Até 15 de Novembro

Museu de Arte de Macau

De terça-feira a domingo, 10h00 – 19h00

MOP 5

 

 

OUTRAS EXPOSIÇÕES

 

Loja de moda Pop-up

Estilistas locais mostram o seu trabalho original através da loja pop-up de duração limitada na Galeria de Moda de Macau. Nesta edição de Outono/Inverno, participam quatro marcas ‘made in Macau’: Aurolo Arte, Lines Lab, Macon, Nega C. e Jade L.

 

Até 3 de Janeiro

Galeria de Moda de Macau

Rua de São Roque, 47 – Macau

De terça-feira a domingo, 10h00 – 20h00

Entrada livre

 

***

 

Atonal: Arte Multimédia por Gigi Lee

Em mais uma edição da iniciativa Montra de Artes de Macau, A artista local Gigi Lee é convidada a expor um trabalho multimédia inspirado no conceito da atonalidade. A obra de Gigi Lee apresenta uma forma actualizada da arte abstracta. Utilizando os elementos do som e da luz – que podem ser tão intangíveis como o tempo – a artista progride nas suas explorações do tempo, tema abstracto em que se tem concentrado, explorando conceitos como virtual, linear e ilimitado.

 

Até 25 de Outubro

Museu de Arte de Macau

De terça-feira a domingo, 10h00 – 19h00

MOP 5

 

***

 

O mundo artístico das crianças

Em cooperação com o Comité Paralímpico de Macau e a Associação dos Melhores Amigos de Macau, o Armazém do Boi alberga a edição de 2015 da exposição conjunta de obras de crianças locais. Segundo a galeria, o objectivo é mostrar que “somos todos diferentes e somos todos iguais”.

 

Até 1 de Novembro

Armazém do Boi

De terça-feira a domingo, 12h00 – 19h00

Entrada livre

ARTIGO