Quinta-feira, Julho 2, 2020
Inicio China Festival da Lusofonia de Macau arranca com expositores de dez comunidades

Festival da Lusofonia de Macau arranca com expositores de dez comunidades

Este festival anual, organizado pelo Instituto para os Assuntos Cívicos e Municipais, Instituto Cultural e Serviços de Turismo de Macau visa, segundo estas entidades, a “promoção da cultura” dos países e regiões de língua portuguesa, “realçando os aspectos de contacto, de influência mútua e de intercâmbio”, mas também homenagear as comunidades lusófonas que vivem no território e “ajudaram a construir Macau”.

Até ao próximo domingo, na zona do Carmo, na Taipa, haverá dez expositores das associações que representam as comunidades lusófonas locais (Portugal, Angola, Brasil, Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Guiné-Bissau, Moçambique, Macau, Timor-Leste e Goa, Damão e Diu).

Para além disso, o festival contempla uma área de bebidas e petiscos dos diversos países e territórios de origem das comunidades, assim como espectáculos de música e dança de artistas locais e outros vindos de fora de Macau.

É este o caso dos Virgem Suta, que actuarão no sábado à noite no anfiteatro das Casas-Museu da Taipa. No mesmo dia, subirão também a este palco Massukos, de Moçambique, e D’Voices Talik Murak, de Timor-Leste.

Entre as actividades promovidas no âmbito do festival estão jogos tradicionais portugueses, torneios de matraquilhos ou um torneio de futebol.

ARTIGO