Terça-feira, Agosto 11, 2020
Inicio Macau Universidade de São José em Macau cria fundo para ajudar alunos internacionais

Universidade de São José em Macau cria fundo para ajudar alunos internacionais

A Universidade de São José (USJ), em Macau, anunciou o lançamento de um fundo para ajudar alunos internacionais com dificuldades financeiras.

O fundo vai “apoiar os estudantes internacionais em situações excepcionalmente difíceis, até que possam retomar as suas vidas normais”, explicou a universidade numa nota enviada às redacções.

“A actual pandemia do coronavírus e as respectivas medidas preventivas estão a ter um efeito dramático na capacidade de alguns estudantes internacionais de se sustentar financeiramente”, acrescentou, indicando que irá recolher doações ‘online’ e publicar relatórios regulares sobre o uso das verbas, mas que a lista de beneficiários “será estritamente confidencial”.

Mais informações podem ser obtidas por e-mail (studentaffairs@usj.edu.mo) ou por telefone (+853 8592 5655), junto da USJ, criada em 1996 pela Universidade Católica Portuguesa em conjunto com a diocese de Macau.

Após 40 dias sem identificar qualquer infecção, a partir de meados de março Macau identificou 35 novos casos, todos importados.

Em fevereiro, registou uma primeira vaga de 10 casos da Covid-19, já todos com alta hospitalar.

Nessa primeira fase, as autoridades avançaram para medidas que acabaram, praticamente, por paralisar a economia, como o fecho por 15 dias dos casinos, em fevereiro.

As escolas fecharam, os estabelecimentos de diversão nocturna e a esmagadora maioria dos funcionários públicos passou a trabalhar a partir de casa.

Após a detecção de novos casos, as autoridades reforçaram as medidas de controlo e restrições fronteiriças, assim como a obrigatoriedade de quarentena de 14 dias imposta a praticamente todos aqueles que entrem no território, que deixou de ter assegurada pelos transportes públicos qualquer ligação para a região vizinha de Hong Kong.

ARTIGO